China proíbe reality shows e ordena imagem mais masculina dos homens: "afemin4d0s"

Matérias Oficiais(+10% Clicks) - Beatriz 03/09/2021 Relatar Quero comentar
 
Olá pessoal! 

Siga para saber todas as notícias e muito mais em primeira mão! Se gostou das notícias, não esquece de compartilhar com seu amigos.

Gíria ou calão é um fenômeno linguístico utilizado em um contexto informal, sendo muito utilizadas em conversas do dia a dia. São palavras que "fogem" da norma culta, as quais muitas tem origem na cultura de determinado povo ou região. 

Por serem algo que muitas vezes é exclusivo de um pequeno grupo, é comum que muitas gírias não sejam reconhecidas por outras pessoas, fato esse que fortalece a identidade cultural de grupos sociais.

Usando gíria para designar homens com aspeto considerado afemin4d0 -- niang pao, em chinês -- a Administração da Rádio e Televisão da China indicou que as emissoras devem excluir resolutamente maricas e outros tipos de estética anormais.

Isto reflete a preocupação oficial de que as celebridades chinesas, influenciadas pela aparência elegante e feminina de alguns cantores e atores sul-coreanos e japoneses, não estejam a incentivar os jovens chineses a serem masculinos o suficiente.

As emissoras devem evitar a promoção de celebridades vulgares da internet e a admiração pela riqueza e celebridade, apontou o regulador.

Os programas devem antes promover vigorosamente a excelente cultura tradicional chinesa, a cultura revolucionária e a cultura socialista avançada.

O Governo de Xi Jinping, o mais forte líder chinês desde o fundador da República Popular, Mao Zedong, também está a aumentar o controlo sobre a indústria da internet, com regulamentos antimonopólio ou de proteção da segurança dos dados dos utilizadores.

Novas regras estipulam que os menores só podem jogar online entre as 20h00 e as 21h00 às sextas-feiras, sábados e domingos.

As empresas que desenvolvem os jogos já eram obrigadas a enviar os novos produtos para aprovação oficial. Em mais um exemplo de como o Partido Comunista (PCC) voltou a reforçar o controlo sobre as várias esferas da vida na China, as autoridades pedem agora que sejam acrescentados temas nacionalistas.

Clique na segunda página para continuar navegando
Comentário do usuário
Você pode gostar