Geraldo Luís abre o jogo e fala de câncer, luta pela vida e reflexões, após quase m0rrer em hospital

Matérias Oficiais(+10% Clicks) - Beatriz 21/04/2021 Relatar Quero comentar
 
Olá pessoal! 

Siga para saber todas as notícias e muito mais em primeira mão! Se gostou das notícias, não esquece de compartilhar com seu amigos.

Mesmo após ter se curado do novo coronavírus e ter tido alta médica, Geraldo Luís, de 49 anos, usou a rede social para relatar que ficou com sequelas da doença. No Instagram, o apresentador contou que perdeu os movimentos da perna direita.

“Agora só a fisioterapia. Isso é Covid. O poder de viver, voltar a respirar sem oxigênio. A graça de voltar e viver o que vivo. A Covid-19 entrou aqui, judiou, deixou sequelas, mas foi embora. Sou mais um milagre dos céus, que a mim concedeu mais um tempo de vida. Só quem teve sabe. Desmamar do oxigênio ainda custa, andar bem e tantas coisas. Mas isso agora é só detalhe… Deus seja louvado. Seguimos. Valorizem o ar, ele é de graça pra todos, todos os dias. Até que esse vírus chegue em você. Aí, só ar de tubo. Bom dia vida. Eu sobrevivi”, disse ele na web.

O apresentador Geraldo Luís, que ficou à beira da m0rte recentemente, após contrair Covdi19 e ter que lutar ferozmente contra a doença que tomou 85%  dos pulmões dele, não para de fazer reflexões e mostrar aos seus seguidores a importância da vida desde então.

Isso mesmo, Geraldo Luís teve sérias complicações da Covid19 e além de perder boa parte dos pulmões na época, que agora já se recuperaram, o jornalista também deixou de ter até o movimento da perna direita, o que tem feito com que ele tenha que passar por uma série de sessões de quimioterapia.

Agora, na manhã desta quarta-feira 21, de abril, o jornalista resolveu falar sobre câncer e abriu o jogo.

Em foto publicada, ele dizia o seguinte: “Há pessoas que tem uma espinha e fazem dela um câncer… Outras passam pelo câncer e fazem dele uma espinha”, disse o apresentador, que na legenda da foto, ainda afirmou o seguinte:

Clique na segunda página para continuar navegando
Comentário do usuário
Você pode gostar