Revolta! Bebê é encontrado dentro de sacola por motorista de aplicativo

Matérias Oficiais(+10% Clicks) - Beatriz 13/08/2021 Relatar Quero comentar
 
Olá pessoal! 

Siga para saber todas as notícias e muito mais em primeira mão! Se gostou das notícias, não esquece de compartilhar com seu amigos.

Eu te amo muito meu filho! Você é a minha razão de viver e dá sentido à minha existência! Não há palavras que consigam descrever o que sinto, meu querido filho, por ter você crescendo na minha barriga. 

É uma incrível felicidade sempre que sinto seus movimentos; um amor que ainda agora surgiu e que já é tão grande.

Pelos filhos, somos capazes de fazer o que não faríamos para nós mesmos e muito mais. Eu te amo, meu filho. Ao mesmo tempo, um sentimento também nasce: um amor incondicional que vai durar por toda a vida!

No Rio de Janeiro, zona norte, em Inhaúma, um bebê acabou sendo encontrado dentro de uma sacola plástica, o bebê estaria enrolado dentro de um pano, parecido com um lençol, e foi encontrado por um motorista de aplicativo, que acionou a policia, que está investindo o caso.

Wallace da Silva Ferreira, de 31 anos de idade, é o motorista que encontrou a criança, e sem pensar duas vezes, levou a criança as presas para o atendimento em uma clínica, já que não sabia o que fazer, além do tempo em que o bebê poderia estar ali.

Após a chegada da criança na clínica, uma avaliação rápida foi feita, e em seguida, ela acabou sendo transferida para o Hospital Maternidade Fernando Magalhães, em São Cristóvão.

Segundo as informações, o estado de saúde do bebê é estável, e ele continuará sob observação no hospital, o conselho tutelar também foi acionado.

Em Nova Brasília, no Complexo do Alemão no Rio de Janeiro, um bebê recém nascido, mal chegou ao mundo e passou por maus bucados  em uma lixeira na comunidade.

Porém, graças ao choro da criança, acabou por impedir que o caminho do lixo que fazia a coleta, triturasce a criança, após moradores locais, retirarem a criança do lixo enquanto os coletores de lixo já iriam reconhecer o mesmo.

Clique na segunda página para continuar navegando
Comentário do usuário
Você pode gostar