Bolsonaro foi chamado de ‘ex-presidente’ por 3 jornalistas da Globo, veja o vídeo

Matérias Oficiais(+10% Clicks) - Beatriz 21/05/2021 Relatar Quero comentar
 
Olá pessoal! 

Siga para saber todas as notícias e muito mais em primeira mão! Se gostou das notícias, não esquece de compartilhar com seu amigos.

Segundo informações da revista Quem, a comunicação da TV Globo informou que a ausência de Renata não se deve a sintomas de coronavírus.

“A Renata Vasconcellos está bem, não apresentou o 'JN' por uma questão pessoal e, em breve, retorna ao jornal”, informou a assessoria de imprensa para o veículo.

Na última quarta-feira, 19, a âncora do Jornal Nacional, Renata Vasconcellos cometeu um erro que não passou despercebido pelas redes sociais e nem ao menos pela imprensa on-line.

Ao ler uma notícia, a jornalista chamou Jair Bolsonaro (sem partido) de “ex-presidente”.

Não ficou evidente se o texto gerado no teleprompter estava incorreto ou se foi mesmo um deslize da âncora. Atenta, ela se corrigiu. Poucos minutos depois, a internet já tinha incontáveis memes sobre o episódio.

A mesma falha aconteceu com outros jornalistas do Grupo Globo. Em novembro de 2019, Natuza Nery se confundiu ao comentar a soltura de Lula.

“Ele está disposto a ir para o embate, tanto que cita em alguns momentos o ex-presidente Jair Bolsonaro.”

No mesmo dia, o chefe do Executivo se manifestou em uma rede social. “GloboNews nos cita como ex-presidente! Muitos caem no jogo de “equívocos rotineiros” inocentemente! Estamos mudando o Brasil!”

Menos de 24 horas depois, gafe idêntica no mesmo canal. Ao analisar manifestação pró-Lula no ABC paulista, Gerson Camarotti também chamou Bolsonaro de “ex-presidente” ao vivo.

Clique na segunda página para continuar navegando
Comentário do usuário
Você pode gostar