‘Parou de comer e não reconhecia ninguém’: os últimos dias de vida do ‘Seu Peru’ não foram nada fáceis

Matérias Oficiais(+10% Clicks) - Beatriz 28/07/2021 05:09 Relatar
 
Olá pessoal! 

Siga para saber todas as notícias e muito mais em primeira mão! Se gostou das notícias, não esquece de compartilhar com seu amigos.

Orlando Drummond Cardoso (Rio de Janeiro, 18 de outubro de 1919 — Rio de Janeiro, 27 de julho de 2021) foi um ator, dublador, comediante e radialista brasileiro.

Orlando foi conhecido pelo personagem Seu Peru da Escolinha do Professor Raimundo bem como por dublar os personagens Scooby Doo, Alf (em Alf: O ETeimoso), Popeye, e Vingador (em Caverna do Dragão), entre outros.

Seu Peru é um dos personagens que mais dispensa comentários, ele foi interpretado pelo lendário ator Orlando Drummond, falecido nesta terça, dia 27 de julho.

Orlando Drummond viveu longevos 101 anos, mas segundo o neto que comunicou à imprensa a morte do artista, seus últimos momentos não foram nada fáceis, ao ponto da própria família se acostumar com a ideia de que o melhor seria que ele descansasse.

Este ano, Orlando Drummond ficou um bom tempo hospitalizado. Ora na CTI, ora na UTI, sempre lutou muito por uma vida saudável, mas nos últimos dias de vida, o artista estava sem vontade de se alimentar, à base de soro e não se recordando mais de pessoas próximas.

Na conta de Orlando Drummond, quase 150 mil fãs o seguiam, o artista resolveu há cerca de 2 anos ingressar nas redes sociais e compartilhar um pouco de seus momentos. 

Um deles foi em janeiro, quando recebeu a primeira dose da vacina contra o coronavírus.

Orlando Drummond, além de ser famoso por seu papel atuando como Seu Peru, cujo bordão era ‘Peru com mel de Vila Isabel’, também era reconhecido mundialmente por seu talento na locução. 

Sua potente voz deu vida à personagens icônicos e que marcaram gerações como o Vingador de Caverna do Dragão e o atrapalhado cão Scooby, do desenho e filme que levam seu nome.

O artista entrou para o Guiness Book justamente por sua interpretação de Scooby, o recorde em questão foi o de mais tempo com o personagem. Durante 35 anos, Orlando Drummond foi a voz de Scooby.

Orlando iniciou sua carreira no ano de 1942 como contrarregra e com auxílio de Paulo Gracindo começou a atuar como dublador, após ele perceber o potencial de Orlando para tal.

Posteriormente, atuou em alguns filmes como Rei do Movimento (1954) e Angu de Caroço (1955) até chegar à carreira de dublador, a qual exerce desde o início dos anos 1950. 

Orlando foi casado desde 1951 com Glória Drummond, com quem teve  2 filhos, 5 netos – dos quais 3 (Felipe, Alexandre e Eduardo) são também dubladores – e 3 bisnetos.

SE VOCÊ GOSTOU, DEIXE O SEU LIKE, COMENTA AQUI EM BAIXO O QUE VOCÊ ACHOU! E COMPARTILHE COM OS SEUS AMIGOS! OBRIGADA! 

 
No final

Com o propósito de "Verdadeiro e Transcendência", este site fornece o conteúdo e as informações mais úteis para todos os usuários do site, e as notícias mais recentes, os relatórios mais oportunos e os dados mais autênticos também podem ser encontrados naqui.

Individualidade e Qualidade são as conotações do site:

Qualidade significa fornecer aos usuários do site um alto padrão de conteúdo com alta qualidade e alta eficiência.

Individualidade, ou seja, inovação que acompanha o tempo e uma visão única para criar um site único.

Preste atenção ao nosso site, forneceremos informações mais valiosas.

Parte do conteúdo do artigo é proveniente da Internet. Se seus direitos de privacidade forem violados, o site será processado o mais rápido possível. Relatar
Artigos recomendados

©2021 daapower.com. All Rights Reserved. Sobre nós Política e segurança Termos Privacidade Direitos autorais Contate-nos [email protected],Se houver alguma infração, entre em contato conosco

Isenção de responsabilidade:Este site opera enviando artigos em tempo real e não assume nenhuma responsabilidade legal pela autenticidade, integridade e posição de todos os artigos. O conteúdo de todo
TOP
X
Relatar
Use um endereço de e-mail real. Se não pudermos entrar em contato com você, não poderemos processar seu relatório.